ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO




Esalqueanos participam de convênio nos EUA que visa soluções para proteger culturas agrícolas

    Enviado em 22/07/2010 às 14:05:05

Três esalqueanos participarão de um consórcio universitário binacional envolvendo, no Brasil, a ESALQ e Universidade Federal do Paraná (UFPR) e, nos EUA, a University of California-Davis e Penn State University (EUA). O programa visa a promoção de intercâmbio em nível de graduação, em parceria com o Fund for the Improvement of Post Secondary Education (Fipse), do Departamento de Educação dos Estados Unidos. São eles: Andrea Graf Werneburg, do 3º ano de Ciências Biológicas, Rafael de Andrade Moral, do 4º ano de Ciências Biológicas e Fernando Sujimoto.

Durante os quatro meses na Pensilvânia, Andrea pretende aprimorar as atividades que realiza no laboratório de Comportamento de Insetos e Ecologia Química, do departamento de Entomologia e Acarologia (LEA). "Nunca sai para nenhum intercâmbio e fico ansiosa em conhecer outro país. Espero conhecer muitos lugares, aprimorar meu conhecimento na área e no idioma e ainda voltar com novas metodologias e técnicas que possam contribuir com o nosso trabalho aqui no Brasil". Esse convênio, fomentado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), tem como finalidade reforçar a capacidade dos alunos para trabalhar com pessoas de outros países e entender as limitações associadas com diferentes sistemas agrícolas em ecossistemas maiores e mercados econômicos. Além disso, a proposta é estabelecer uma rede entre acadêmicos brasileiros e profissionais nos EUA relacionados às questões científicas e sociais que afetam o desenvolvimento com soluções de sucesso para a proteção das culturas agrícolas de forma sustentável.

Rafael Moral reforça que sua estadia na Pensilvânia será um período de aprimoramento e aquisição de experiências enriquecedoras. "Acredito que estarei em um país de intensa produção científica, com oportunidade de observar e aprender a maneira que eles têm de trabalhar. Espero também fazer contatos valiosos para uma futura pós-graduação".

A Universidade da Califórnia - Davis (UCD) será o destino de Fernando Ribeiro Sujimoto, aluno do 5º ano de Ciências Biológicas. "Lá terei orientação do professor Walter Leal, um dos maiores nomes na pesquisa com feromônios no mundo". Sujimoto cumprirá um programa de estágio, trabalhando no Laboratório de Ecologia Química (coordenado pelo Professor Walter), no Departamento de Entomologia da UCD. "Estudarei, especificamente, proteínas relacionadas às vias de percepção e resposta do agente químico nos organismos dos insetos", salienta.

Segundo o coordenador do programa na ESALQ, professor José Maurício S. Bento, do LEA, esta é uma oportunidade excelente para os alunos da ESALQ. "Eles irão participar de pesquisas em laboratórios do mais alto nível, o que poderá representar um diferencial importante para complementar a formação destes estudantes, não só para aqueles que pretendem ingressar no mercado de trabalho como aqueles que desejam seguir a carreira acadêmica, após a formatura", finaliza.

Texto: Caio Albuquerque

 

 


  

 

Copyright © 2010, CIAGRI/USP ESALQ/USP